FACULDADE PÚBLICA X FACULDADE PRIVADA

Tempo de leitura: 3 minutos

Compare as diferenças entre os dois tipos de instituições de ensino superior e saiba qual a melhor opção para você.

Várias dúvidas surgem ao terminar o ensino médio e ser aprovado no vestibular, entre elas, em qual instituição ingressar. Essa decisão é de alta importância, pois envolve decisões como mudar de cidade, desembolsar dinheiro, afastamento da vida que o vestibulando leva no momento atual.

Mesmo havendo algumas diferenças entre os dois tipos de instituição, no fim o diploma está em mão. Separamos as principais diferenças entre os dois tipos de instituição, fiquei atento!

Faculdade Privada

PRÓS:

  • As instituições privadas têm ótimas estruturas de campus. Além disso, a maioria conta com salas de aula equipadas com lousa digitais e materiais modernos de alta tecnologia.
  • O acesso aos cursos é rápido e fácil. A Prova do vestibular das instituições privadas não exigem um conteúdo tão rigorosos quanto a das provas das universidades públicas.
  • O risco de greve é muito menor, pois a remuneração dos funcionários não é por parte do governo.
  • Possuem a grade curricular mais atualizada e um alto comprometimento dos professores, que atuam no meio acadêmico, e muitos no meio corporativo também, o que colabora com a visão que os alunos têm das aulas.
  • Podem ajudar o ingressante por beneficiamento estudantil, como o Prouni, Fies e Educa Mais Brasil etc.

CONTRAS:

  • Altas mensalidades. Muitos alunos têm dificuldades na hora de escolher a instituição por esse motivo, mesmo com os programas de democratização.
  • Falta de hospitais e laboratórios próprios. Muitas pesquisas feitas e públicadas são de grande cunho de universidades públicas.
  • Carga horária menor que algumas instituições públicas. Contudo, esse fato pode beneficiar quem tem uma carga horária agitada durante o dia.

Faculdade Pública

PRÓS:

  • São totalmente gratuitas, pois são custeada pelo governo.
  • O investimento nas pesquisas é alto. Se você vê muitas pesquisas públicas em grandes mídias, é por conta que a maioria delas é realizada em faculdades públicas. Os grupos de pesquisa são amplos e têm diversos objetivos.
  • Carga horária de aulas é bem maior, o que exige mais dedicação as aulas e conteúdo para como os alunos.
  • Maiores chances de estágio e ingressão no mercado de trabalho. Devido ao ingresso ser muito concorrido, as empresas valorizam este fato.

CONTRAS:

  • A infraestrutura é totalmente desgastada e defasada. Muitas estão com salas de aula e laboratórios de pesquisa em situação precária.
  • Alta concorrência para o acesso. Muitos ingressantes precisam passar por um processo seletivo nada fácil e totalmente cansativo.
  • Greves constantes. Diversas graves nas instituições públicas atrasam aulas, que por vezes não são repostas e consequentemente atrasando conteúdo e os diplomas alunos dos últimos anos de determinado curso.
  • Grade curricular desatualizada
  • Maior índice de professores menos comprometidos, pois muitos prestam o serviço de professor como consequência de outro cargo que ocupam em nome da universidade.

RESSALTANDO: Vale lembrar que é possível encontrar alunos esforçados e que não levam os estudos tão a sério nas duas instituições, por isso, atente-se nas suas escolhas e faça uma decisão que vá te beneficiar por toda a vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *